A Viagem Certa - Tem coisa melhor do que falar sobre a viagem? Só a própria viagem!

O BLOG INDEPENDENTE COM AS MELHORES DICAS DE PARIS: AS QUE NÃO ESTÃO EM TODOS OS GUIAS

Reveillon em Paris: o que fazer e o que não fazer

29 de novembro de 2011

Muitas pessoas me escrevem para perguntar sobre o Ano Novo em Paris. Vamos lá.

A primeira coisa que é preciso ter em mente é que não há shows, fogos, música ou qualquer outro tipo de “comemoração  oficial” nas ruas da cidade. Muita gente se aglomera na Champs Elysées e na Torre Eiffel, para beber com os amigos, mas é só. Eu resumiria em algumas palavras: aglomeração, bebedeira, frio e ausência de transporte público. Eu já tive este experiência e não pretendo repeti-la. Então, o que fazer então na noite do dia 31/12? Uma opção é escolher um lugar legal para jantar. Mas custará caro. Ou então, se você estiver hospedado em apartamento ou casa, organizar uma ceia bem  gostosa, com tudo o que tem direito. Se você prefere uma balada, também vai encontrar opções na cidade.

RESTAURANTES COM VISTA DE PARIS

Les Ombres: localizado no Quai Branly Musée, tem uma vista magnífica da Torre Eiffel. A ceia custa 320 euros por pessoa. É indispensável fazer reserva pelo site. Tel. 00 33 (0) 1 47 53 68 00.

Georges – localizado no Centre Pompidou, tem vista panorâmica da cidade, da Sacre-Coeur à Notre-Dame. Menu a 190 euros, sem bebida inclusa. Reservas apenas por e-mail. Tel. 00 33 (0)1 44 78 47 99.

Le Zyriab by Noura – restaurante árabe no Instituto do Mundo Árabe, tem vista da Notre-Dame e da Ille Saint-Louis. O menu ainda não está disponível. É preciso confirmar pelo site ou telefone a partir da semana que vem. Mas me garantiram que haverá uma ceia especial. Tel. 00 33 (0)1 55 42 55 42.

BALADA NO SENA

Peniche Maxims – um barco no Sena, bem próximo à Torre Eiffel, com capacidade para mais de 500 pessoas, onde a balada KISS ME 31 vai das 20h às 5h. Os ingressos são vendidos a 77 euros (entrada 1 pessoa + consumação de 5 itens) ou 660 euros (pacote VIP para 4 pessoas, con direito a champagne + garrafa de outro tipo de bebida álcoólica) no site da FNAC.

PARA OS MODERNINHOS, UM HOTEL MODERNINHO

Mama Shelter Hotel: projetado por Philipe Stark, o hotel moderninho de decoração original e  despojada fica longe do burburinho do centro. Lareira, sofás, cortinas de veludo e muitas velas dão um clima especial ao lugar. É para quem está na onda “ver e ser visto”. Menu a 119 euros, sem bebida inclusa.

 PARA OS CLÁSSICOS

Hotel Lutetia: o hotel oferece várias opções. No estrelado restaurante Paris você pode escolher entre o menu a 320 euros, sem bebida ou a 435 euros pelo menu, copo de champagne, 1/2 garrafa de vinho e um drink no bar. Já na Brasserie Lutetia o menu sem bebida sai a 160 euros e a opção com um copo de champagne, 2 de vinho e um drink no bar sai a 225 euros.

Se nenhuma dessas opções lhe agradar, informe-se se o restaurante escolhido por você estará aberto, pois muitos fecham entre o Natal e o Ano Novo, como é o caso dos recomendadíssimos Le Comptoir e Chez l’ami Jean.

PARA PREPARAR SUA CEIA

Algumas iguarias estão em todas as mesas no Natal e no Reveillon. A primeira delas é o foie gras (veja sugestão de onde comprar um maravilhoso). Para quem gosta de frutos do mar, a Coquille Saint-Jacques e as deliciosas ostras do norte estão no auge. De sobremesa, escolha uma Buche de Noel (Pierre Hermé e Eric Keiser são minhas dicas). E não deixe de fazer o ritual do Gui, planta  que é símbolo de prosperidade e longevidade. Boas festas!

4 comentários para “Reveillon em Paris: o que fazer e o que não fazer”

  1. Manoela disse:

    Jura que é só isso? Eu imaginava diferente… Paris com luzes por todo o lado, Torre Eiffel toda iluminada, na virada aquela festa… ah, estarei aí… o jeito é providenciar algo ou ir para as cidades ao lado!

  2. Rodrigo disse:

    Ixi.. vou pra NYC então.. tava na dúvida esta semana entre NYC e PARIS para o Réveillon….

  3. Juliane disse:

    ..o transporte publico é free ate as 2h15…como assim ausencia? nao entendi
    e eu achei bem divertido…e ainda bem que não tem aquelas musicas insanas do Brasil…entre copabacana e paris…fico com paris certeza

Deixe um comentário