A Viagem Certa - Tem coisa melhor do que falar sobre a viagem? Só a própria viagem!

O BLOG INDEPENDENTE COM AS MELHORES DICAS DE PARIS: AS QUE NÃO ESTÃO EM TODOS OS GUIAS

Amsterdam: um guia para curtir o descolado bairro do Jordaan

22 de janeiro de 2014

jordaan

Amsterdam: minha cidade preferida na Europa. Depois de Paris, lógico. E sempre que posso, é para lá que eu fujo. Mas tem que ser com tempo; um fim-de-semana serve só para dar água na boca. Para ficar menos que 5 dias eu nem vou. E neste fim de ano fui para ficar 10 dias. Exatamente como eu gosto: 10 dias num apartamento no Jordaan, bairro delicioso e descolado, bem pertinho do centro. Cheio de cafés, lojas, brechós, bares e restaurantes, este bairro me conquistou desde 2009, primeira vez em que me hospedei nele, exatamente no mesmo apartamento. Tracei o mapa da mina para quem quer explorar esse outro lado da cidade, longe das vitrines de luzes vermelhas, de lojas de cadeia e lanchonetes de fast food.

jordaan 1 jordaan 3
jordaan 2 jordaan 4
jordaan 5 jordaan 6

Cafés, bares e restaurantes

Café Chris – eleito o meu bar, fica na esquina do apartamento. Mas não é simplesmente pela facilidade de acesso que foi o meu escolhido. Sendo um dos mais antigos e tradicionais do bairro – sua abertura data de 1624, é realmente um bar típico: com pouca iluminação e móveis e paredes em madeira escura de onde pipocam publicidades de cervejas. Frequentado por locais que se dividem entre o balcão e uma mesa de sinuca – ou até mesmo a fazem de banco, tem atendimento também ótimo e caloroso. Até um cachorro habitué trança entre as pernas dos clientes. Um plus: é permitido fumar (cigarro) ali e abre todos os dias da semana. Bom, se não suporta fumaça, pense duas vezes. Mas se quer um bar realmente com a cara da cidade, reconsidere o posicionamento! No verão tem mesas na calçada. Não servem comida; apenas uns poucos petiscos. Bloemstraat, 42; seg/qui. 15h/1h; sex/sáb. 15h/2h e dom. 15h/21h.

Café Chris

Da janela do apartamento dá para ver o logo da Amstel no Café Chris.

Café de Prins – de frente para o Canal, esse restaurante tem um dos balcões mais disputados da região. As mesas são bastante disputadas, mas acabei não provando a comida. O que curti mesmo foi tomar umas cervejas no balcão, ao som de jazz. Prinsengracht, 124; seg/quin. 10h/1h, sex/sáb. 10h/2h e dom. 10h/22h.

Café Blaffende Vis – moradores do bairro e turistas se mesclam neste típico café. Ideal para um cerveja a qualquer hora do dia – ele não fecha nunca! – ou para sanduíches e sopas. Ótimo atendimento e música boa rolando sempre. Westerstraat, 118; seg/dom. 8h30/13h.

De Koffie Salon – no estilo dos cafés moderninhos de Amsterdam, com mobiliário vintage (de babar, tudo está à venda!) e decoração clean, é uma delícia para um café a qualquer momento. Weesterstraat, 72; seg/dom. 10h/19h.

Koffie Salon

Finch –  bar abarrotado de gente, com balcão e mesas na calçada, na região da NoorderKerk, igreja localizada na praça Noordermarkt. Suas paredes cobertas por cartazes e capas de discos antigos chamam a atenção. Fica ao lado do Proust, bar no mesmo estilo, e do badalado restaurante Borderwjk (já tentei ir mais de 3 vezes e nunca tive sorte; super bem recomendado, é preciso reservar).  É sem dúvida um dos cantos mais agitados do bairro. Noordermarkt, 5; seg. 6h/1h; ter/qui e dom. 9h/1h; sex/sáb. 9h/20h.

Finch

Proust -fica grudado ao Finch e o público é o mesmo: descolado e jovem. Noordermarkt, 4; seg/dom. 12h/22h, a partir de 10h nos finais de semana.

De Bolhoed – restaurante vegetariano que tem variedade grande de salada, tortas, quiches, sopas e pães. Prinsengracht, 60; seg/dom. 12h/22h.

Mercado Orgânico

 Noordermarkt – na praça da Noordkerk acontece aos sábados o mercado de comidas orgânicas, com opções de guloseimas para degustar no local ou levar para casa. Noordermarkt; sáb. 9h/16h.

Comidas e afins

Simon Levelt – loja de chá antiga e tradicional. Para que aprecia a bebida, vale à pena comprar algumas embalagens para levar na mala. Prinsengracht, 180; seg/sex. 10h/18h, sáb. 10h/17h e dom. 13h/17h.

Mamma Rosetta – tratoria italiana com ótimas opções de massas (experimente os raviolis de queijo de cabra) e tortas doces, como a de pinolis, leve e saborosa, que vai super bem com um expresso. Lidengracht, 158; seg/sáb. 11h/21h e dom. 12h/21h.

Arte

Eddy Varekamp – em seu atelier, Eddy imprime à moda antiga seus trabalhos. Muitos de seus desenhos são inspirados nas paisagens e no quotidiano do bairro do Jordaan. O próprio artista irá lhe atender e, pacientemente, explicar de onde veio a paisagem que passará a fazer parte da decoração da sua casa num lindo poster (a partir de 30 euros). Não é uma lenbrança e tanto da cidade? Atelier: Eerste Bloemdwarsstraat, quase enquina com Bloemstraat; sem horário fixo. Loja: Hartenstraat, 30; sáb. 13h/17h ou com horário marcado pelo email. clara@eddyvarekamp.com.

Eddy Varekamp 2

Rockarchive – galeria de fotos de personalidades do rock e do jazz, feitas por diversos fotógrafos ao redor do mundo. Prinsengracht, 110; qua/sáb. 14h/18h.

Brechós

Goska’s Goodie’s – brechó com poucas coisas, mas tudo em perfeito estado. As roupas parecem ter saído da lavanderia há pouco. Não é um brechó barato, mas tem itens interessantes. Eeste Bloemdwarsstraat, 13; seg e qua. 13h/18h ter, qui, sex, sáb. 11h/18h.

Mooizo Jordaan – brechó com grande variedade de roupas femininas. É preciso garimpar para achar algo legal. Niewe Leliestraat, 32; seg/sáb. 11h/18h.

Mooizo

Moriaan – brechó de roupas femininas e masculinas e alguns itens de decoração. Super bem organizado e arrumado, nem dá aquela aflição de ter que fuçar para achar algo que tenha a sua cara. Foi lá que encontrei uma linda manta em crochês, dessas de flores com cara de casa da vó.

Tweede Anjeliersdwarsstraat, 19; seg/sex. 11h/18h e sáb. 11h/17h.

Lojas de Roupas

Universe on a T-Shirt – camisetas e moletons com estampas simples e originais. Nieuwe leliestraat, 6; seg/sex. 11h/18h e sáb. 11h/17h.

Universe on a T shirt

Decoração

De Colibri – pequena loja para quem curte antiguidades, com peças em cristais e porcelanas. Tweede Goudsbloemdwarsstraat, 3; seg. 9h/14h30, ter. 11h30/16h; qua.9h/16h, qui. 9h/14h30, sex. 11h30/16h e sáb. 10h.16h.

de Colibri

De Weldaad – esta loja mescla objetos novos e usados com muito bom gosto. Tudo é extremamente organizado e é possível encontrar verdadeiros tesouros, de garrafas a lustres, para dar um toque holandês à sua decoração. Noordermarkt, 35-36; seg/sáb. 10h/18h e dom. 13h/17h.

weldaaad

Bosenco-Breiwerk - é especializada em cobertores, mantas e tapetes tecidos à mão. As técnicas empregadas são tradicionais, provenientes da Escandinávia, Islândia, Inglaterra e França. Já a inspiração para criar estampas e cores vem dos campos de flores e aspargos da Holanda. Os produtos estão à venda no Studio Bos & Co. Karthuizersdwarsstraat, 1; não divulgam horário de funcionamento.

Juffrouw Splinter – grande variedade de objetos usados em perfeito estado de conservação, como as estantes e as louças. Também tem objetos de decoração novos, como caixas, latinhas, puxadores e bandejas. Prinsengracht, 230; seg/sáb. 10h30/18h e dom. 12h/17h.

Raw Materials – seleção única de objetos antigos e usados, priorizando a escolha de peças feitas com materiais reciclados e naturais. Madeira, couro, ferro, vidro e cerâmica formam um conjunto harmônico e descontraído para quem procura uma decoração menos impessoal. Rozengracht, 231; seg/sáb. 10h/18h.

Kitsh Kitchen – loja de decoração kitsch, ideal para quem curte objetos divertidos e coloridos. Destaque para os artigos em plástico, a cara da cidade. Se quer uma sacola para bikes que é a cara de Amsterdam, este é o endereço certo. Rozengracht, 12; seg/sáb. 10h/18h e dom. 12h/17h.

O Apartamento

Super bem localizado, o apartamento fica na Bloemgracht, entre o canal Prinsengracht e a Bloemdwarsstraat. Apesar de a Damplatz não estar longe dali, o bairro ainda é protegido do emaranhado de turistas e, por isso, a rua é bastante tranquila. Bastante confortável, é o apartamento ideal para se sentir em casa, especialmente para quem fica períodos longos, em que um quarto de hotel pode se tornar algo bastante limitante em relação ao espaço e à privacidade, além de ser muito mais impessoal. Dá uma olhada no apartamento, que máximo. Além de lindo e aconchegante, me permitiu algo que adoro fazer quando viajo: ir ao mercado, comprar produtos locais e  experimentar tudo o que posso. E, num apartamento, isso tudo é muito mais simples e acessível. O nome dele é Robin (diárias a partir de 139 euros) e está disponível para reservas pela A-partments.

A-partments_Robin_01

A-partments_Robin_06 A-partments_Robin_05
A-partments_Robin_07 A-partments_Robin_08
A-partments_Robin_10 A-partments_Robin_11

Mapa do bairro


Visualizar Jordaan – Amsterdam – A Viagem Certa em um mapa maior

Sobre a cidade, veja também: Comprinhas coloridas com dicas de lojas; Amsterdam para iniciados; Roteiro de Decoração para Casa Vogue Online.

Post realizado com apoio de A-partments.

Os comentários estão fechados.