A Viagem Certa - Tem coisa melhor do que falar sobre a viagem? Só a própria viagem!

O BLOG INDEPENDENTE COM AS MELHORES DICAS DE PARIS: AS QUE NÃO ESTÃO EM TODOS OS GUIAS

Tricentenário da morte de Louis XIV em Versailles

28 de agosto de 2015

Este ano é o tricentenário da morte do Rei Sol e o Château de Versailles comemora em grande estilo. No dia primeiro de setembro, durante todo o dia a capela real (Chapelle Royale) conta com uma programação especial: a cada início de hora no período das 10h às 18h, um concerto de órgão com duração de 15 minutos poderá ser presenciado por todos os visitantes do castelo.

Às 18h um concerto com duração de uma hora está previsto e a entrada é gratuita, dentro do limite de lugares disponíveis. As entradas serão distribuídas conforme ordem de chegada.  Segue abaixo o programa que será cumprido pelos 4 organistas da capela:

Louis Couperin (1626-1661) – Prélude du Grand Livre d’orgue, par François Espinasse – Fantaisie n° 26, por Michel Bouvard;

Henry Du Mont (1610-1684) – Trois trios, pelos quatro organistas;

Jean-Baptiste Lully (1632-1687) – Passacaille d’Armide (1686), por Jean-Baptiste Robin;

Marc-Antoine Charpentier (1643-1704) – In Nativitatem Domini Canticum H.416 : 1) Prélude –2) Nuit, por Frédéric Desenclos;

André Raison (1650-1719) – Offertoire sur «Vive le Roy» por Frédéric Desenclos;

Louis Marchand (1669-1732) – Plein Jeu, Tierce en taille, Grand Jeu du Te Deum, por Jean- Baptiste Robin;

Louis-Nicolas Clérambault (1676-1749) – Suite du 2ème ton Duo – Flûtes – Basse de Cromorne – Récit de Nazard , por François Espinasse;

François Couperin (1668-1733) – Extraits de la Messe propre pour les couvents : Plein jeu du Gloria – Cromorne en taille – Offertoire sur les Grands Jeux, por Michel Bouvard.

Orgao chapelle royale chapelle Royalle Versailles_Nave

Fotos: © EPV/Christian Milet e Jean-Marc Manaï

A Chapelle Royale foi construída por ordem de Luís XIV no final do Séc. XVII e início do Séc. XVIII. A obra que durou mais de 28 anos (de 1682 – instalação da Corte em Versailles – à 1710 – inauguração da capela)  contou com dois arquitetos, 7 pintores e mais de 120 escultores. O órgão ali instalado foi a pedido de Luís XIV foi inaugurado em abril de 1711 por François Couperin. Ele e outros músicos que por ali passaram também fazem parte desta homenagem e suas composições que tanto agradaram os ouvidos do rei serão reproduzidas ao público.

Para quem pretende visitar Versailles na próxima semana, este é um evento a considerar na hora de definir a programação!

Veja mais:

Visita virtual da Chapelle Royale no site do Château de Versailles

Um comentário para “Tricentenário da morte de Louis XIV em Versailles”

  1. Tony disse:

    Parabéns pelo Blog, gostaríamos de fazer uma parceria com nosso site. Decolanet.